ARQUITETURA | CIRCUS PRODUÇÕES CULTURAIS | Produtora Cultural | São Paulo, 2014 e 2016

Às vezes, mesmo diante da necessidade financeira de um trabalho, o melhor a fazer é negá-lo. Inicialmente convocados para reestruturar o espaço físico da produtora cultural, nossa cliente de desenho gráfico desde 2008, negamo-nos a fazê-lo na então sede da empresa, inadequada a suas atividades: da portaria com catracas ao minúsculo conjunto, em que os funcionários se acotovelavam em mesas improvisadas. Iniciamos assim um diálogo a respeito do funcionamento da empresa, de suas necessidades e possibilidades. Quase um ano passado, teatro, loja de discos, café? Alguns imóveis visitados, planilhas e por fim a solução vizinha: Galeria Metrópole, duas lojas, canos, demolições, descobertas, concreto, caixão perdido. A produtora em dois andares entremeados por uma sala de música, loja do Selo Circus, lugar de audição de discos e pequenos concertos dos artistas da produtora. Loja essa que em 2016 recebeu mobiliário para guarda e exposição de cds e discos de vinil, desenhados e executados por nós.

FacebookTwitterEmail
CIRCUS | 2014 | ARQUITETURA